Anfíbios

O Setor de Herpetologia também mantém espécimes de anfíbios,  os quais são mantidos e cuidados com o intuito de produzir informações científicas sobre a saúde e a biologia das diversas espécies

Os anfíbios possuem diferentes estratégias reprodutivas, apresentando espécies ovíparas ou vivíparas, as quais respiram por brânquias em sua fase de larva, mas na fase adulta respiram com auxílio dos pulmões e pele. Devido a sensibilidade dos anfíbios às alterações do meio onde vivem, estes são considerados bioindicadores das condições ambientais de seu habitat, por isso são animais de grande relevância para um estudo de conservação e preservação dos diferentes biomas.

Visite o Setor de Herpetologia, conheça todos os aspectos pesquisados por nossos profissionais e estudantes. Descubra você mesmo e ao vivo porque o Zôo Salvador está em constante evolução.